A gravidez é um período muito especial na vida de uma mulher. E é essencial que você saiba o que comer durante a gravidez, para dar a luz a um bebê forte e saudável.

Na gravidez, é preciso que a mulher aumente a ingestão de determinados alimentos, ricos em vitaminas, proteínas, cálcio e ferro, para que o seu bebê possa se desenvolver bem e com saúde.

Não é necessário “comer por dois”, como dizem os mais velhos. Comer bem não significa necessariamente comer mais, mas sim comer direito. Portanto, se você não era uma mulher que se preocupava muito com o que comia, agora precisa ter atenção e fazer refeições mais ricas em nutrientes e diminuir a ingestão de calorias vazias, como salgadinhos, batatas fritas e biscoitos recheados.

Não sei o que comer durante a gravidez. E agora?

Durante a gestação, o corpo da mulher passa a trabalhar de forma diferente. O organismo passa a tirar proveito ao máximo de tudo o que você come para alimentar o bebê. Muitas mulheres não sabem, mas, nos seis primeiros meses de gestação, não é necessário comer além da conta. Só nos últimos três meses que é indicado aumentar a ingestão de alimentos em 200 ou 300 calorias.

o-que-comer-durante-a-gravidez-boa-alimentacao

Nas primeiras semanas de gravidez, é comum até que a mulher coma menos, já que ela sente muitos enjoos. Porém, à noite ou de madrugada é comum que a fome apareça e a mulher sinta uma vontade de comer mais.

Já no segundo trimestre da gestação, o apetite da mulher aumenta, mas é preciso ficar de olho no que se ingere, já que nesse período também é comum ter episódios de má digestão e azia.

Gosto de comer besteiras, mas não sei o que comer durante a gravidez

Uma mulher grávida pode comer um pouco de tudo ao escolher o que comer durante a gravidez. Mas é recomendável evitar alguns tipos de alimentos. Veja:

– Queijos com fungos (como o gorgonzola e o roquefort). Queijos do tipo frescal e minas também devem ser evitados, pois podem ter sido fabricados com leite não pasteurizado, o que pode causar listeriose, prejudicando o bebê;

– Frutos do mar crus, peixes, ostras e sushi (que pode ser consumido, desde que o peixe tenha sido congelado anteriormente);

– Carne crua ou malpassada, ovo cru, carne de porco malpassada. Isso é importante para evitar a ingestão de bactérias que possam afetar o bebê em desenvolvimento;

– Peixe-espada , atum e cação, que, por possuírem níveis altos de mercúrio. Essa recomendação também é válida para o período de amamentação e para as mulheres que estão tentando engravidar;

– Caso existam na sua família pessoas com problemas de alergia (como castanhas, nozes e amendoim), é interessante evitar esses alimentos, pois o bebê pode ter também alergia;

– Miúdos e bife de fígado, para evitar o excesso de vitamina A, o que pode prejudicar a criança;

– Não exagere na cafeína. Tome, no máximo, duas xícaras de café por dia. Quanto mais você puder evitar, melhor;

– Bebidas alcoólicas. O consumo de álcool durante a gravidez é desaconselhável, pois pode causar sérios danos ao bebê.

Vale a pena tomar suplementos ao escolher o que comer durante a gravidez?

Em uma situação ideal, na qual a mulher não sentisse nenhum enjoo, seria relativamente fácil saber o que comer durante a gravidez. Só que a realidade não é bem assim. Por isso, o indicado é recorrer a uma suplementação alimentar recomendada pelo médico durante o pré-natal, para que você receba todos os nutrientes que precisa para ter uma gravidez saudável.

O ácido fólico é muito importante para as grávidas e também para as mulheres que estão pensando em engravidar. A deficiência dessa vitamina pode ocasionar deformações no sistema nervoso da criança. Por isso, muitas grávidas costumam tomar suplementos dessa vitamina, cuja dosagem deve ser de 450 mcg por dia.

Durante o pré-natal, muitos obstetras costumam receitar um único suplemento, mais completo, rico em ferro, vitaminas e outros minerais, especialmente a partir do terceiro mês de gestação, quando os enjoos passam e o suplemento é mais tolerado pelo organismo. Nessa etapa, o obstetra também indica o que comer durante a gravidez e o que deve ser evitado, de acordo com o seu histórico médico.

Ganho de peso X o que comer durante a gravidez

O ganho de peso na gravidez é definido pelo médico e muda de mulher para mulher, já que cada uma possui altura e constituição física diferente da outra. A média de ganho de peso geral e saudável fica entre 10 a 15kg.

Ao invés de pensar demais na balança, foque mais na qualidade do que você come ao escolher o que comer durante a gravidez, para ter uma alimentação saudável na gravidez, com muitas frutas, legumes e verduras, além de proteína, ferro e cálcio.

O ideal é que você engorde de forma gradativa, sem exagero, com um ganho de peso menor no primeiro trimestre de gravidez e um maior no último, para dar a luz a um bebê lindo e saudável!

 

  •  
  •  
  •  

This Post Has One Comment

  1. Estou grávida de seis semanas e tenho notado, que há uma semana o meu sistema digestivo não tem funcionado direito. O que comer para não ter prisão de ventre? Bebo bastante água, talvez o problema seja na alimentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *